Blog

5 grandes invenções que aconteceram graças à cerveja

invenções

Ela não é apenas a mais popular das bebidas alcoólicas do planeta.

Ela é responsável por descobertas e invenções que transformaram o rumo da humanidade.

Estamos mesmo falando da cerveja, a bebida fermentada que há mais de dez mil anos faz parte da vida e da história dos seres humanos e que contribui para o desenvolvimento da civilização.

Conversa de bêbado?

Nem um pouco.

Conheça alguns avanços importantes, invenções que aconteceram graças à cerveja.

1. A invenção da refrigeração

Foi por necessidade da indústria cervejeira que o engenheiro alemão Carl Von Linde desenvolveu uma das mais importantes criações da era contemporânea: o refrigerador.

Antes disso, blocos de gelo eram colhidos e armazenados em caves para manter a cerveja gelada, para que não estragasse. Esse método, entretanto, não permitia que cervejas fossem produzidas nos meses mais quentes, nem que fosse transportada ou conservada por períodos mais longos.

Foi daí que em 1873 Linde recebeu uma importante missão da cervejaria Spaten de Munique: desenvolver um sistema de refrigeração prático, projetado especificamente para manter a fermentação durante os meses quentes de verão.

Graças a Linde e à cerveja, hoje podemos produzir e conservar bebidas e alimentos em qualquer lugar do mundo e em qualquer estação.

invenções que aconteceram graças à cerveja

2. A invenção de garrafas de vidro

O vidro que hoje usamos para acondicionar água, conservas de alimentos e remédios teve a sua origem na indústria cervejeira.

Tudo começou em 1903 com um visionário de nome Michael Joseph Owens que começou uma empresa de sucesso com o único objetivo de fazer garrafas de cerveja long neck.

Como inventor de máquinas que podiam automatizar a produção de garrafas de vidro, ele foi o responsável por tornar as garrafas de cerveja baratas e acessíveis para cervejarias.

Depois disso, a invenção foi destinada a outras indústrias e hoje a empresa fundada por Owens possui como clientes as principais empresas de comidas e bebidas do planeta.

> Leia também: A evolução das embalagens de cerveja: barril, vidro, lata, plástico e papel. Papel?

3. O desenvolvimento da pasteurização

Embora hoje seja do leite que lembremos primeiro quando falamos de pasteurização, o processo foi realmente descoberto quando as cervejarias estavam tentando evitar que a sua cerveja estragasse. 

Para resolver esse problema, os cervejeiros contrataram ninguém menos que Louis Pasteur como consultor.

Através da obra “Études sur la Bière”, publicada em 1876, o cientista francês demonstrou que a pasteurização poderia matar as bactérias que arruinavam o sabor das cervejas.

A descoberta que mudou o processo de fabricação de cervejas é a mesma que originou a teoria dos germes, que afirma que patógenos externos causam doenças e ajudou a estabelecer as bases da medicina moderna.

4. A criação da escala de pH

A quarta colocada da nossa lista com invenções que aconteceram graças à cerveja traz uma doce lembrança das aulas de química do colégio. Como você deve lembrar, o pH é uma escala numérica usada para especificar a acidez ou alcalinidade de uma substância. 

O que você não deve saber ou lembrar é que foi nos laboratórios de uma cervejaria que os mestres cervejeiros desenvolveram a escala de potencial hidrogeniônico, o pH.

Os responsáveis pela criação foram os cervejeiros dinamarqueses da Carlsberg que queriam encontrar padrões para definir o quão ácida estava a bebida produzida. Com a aplicação da escala encontraram um meio de monitorar a fermentação da sua cerveja, bem como replicar a produção de um mesmo estilo de cerveja com maior precisão.

Hoje a escala de p.H é usada em todo o planeta, em todos os procedimentos químicos, em todos os segmentos industriais, desde a produção de alimentos e bebidas, até a indústria farmacêutica e petroquímica.

invenções relacionadas à cerveja

5. O surgimento da termodinâmica

Acredite ou não, foi dentro de uma cervejaria que os estudos sobre a termodinâmica tiveram o pontapé inicial.

James Prescott Joule era filho de um rico cervejeiro de Manchester, na Inglaterra. Foi quando ele ingressou na gestão da empresa da família no início dos anos 1820 que iniciou uma pesquisa intensiva sobre as vantagens econômicas de substituir as máquinas a vapor da cervejaria pelo recém-inventado motor elétrico.

Afinal, para fazer cerveja em escala comercial é preciso aquecer grandes quantidades de água e isso era ainda mais caro há mais de um século.

Isso levou a uma vida inteira de pesquisas sobre a natureza da energia e do calor e ao desenvolvimento de termômetros capazes de medir temperaturas com precisão de 1/20 de grau (o que também ajudou o cervejeiro a produzir cerveja em condições extremamente precisas e exatas).

Hoje, se você ligar um aquecedor porque está com frio ou ligar o ar condicionado (ou pegar uma bebida gelada da geladeira) porque está com calor… você está colocando em prática as descobertas científicas feitas por James Joule dentro da cervejaria da família, há duzentos anos. 

E assim finalizamos a nossa lista com invenções que aconteceram graças à cerveja: você tinha ideia de que a cerveja estava por trás dessas criações?

É, amigo, a importância da cerveja para a humanidade é maior do que o simples fato de ter uma boa história para contar no dia seguinte. 

* Beba menos, beba melhor. Consuma cerveja com moderação.

> Descubra os cursos da ESCM, nas áreas de sommelieria, produção caseira, produção industrial de cerveja e produção de outras bebidas.

Querendo uma ajuda para traçar a sua carreira cervejeira?

Nossa equipe está aqui para lhe ajudar. Preencha o formulário abaixo e um consultor entrará em contato com você.

Você tem mais de 18?

Nós temos que ter certeza que você tem a idade mínima para entrar no conteúdo deste site.